Contact The Operations Group at 

 +1 470 362-8438

  • LinkedIn Social Icon

©2018, 2019 by The Operations Group, LLC. Proudly created with Wix.com

O que não é valor-agregado é despedício

April 10, 2019

 

Um dos princípios do Lean Enterprise é encontrar e eliminar o desperdício. Desperdício é qualquer atividade que não seja de valor agregado. Neste post, definiremos valor agregado, desperdício, diferença entre classes e tipos de desperdício e, finalmente, fornecer exemplos através das funções organizacionais para começar a procurar fontes de desperdício que interfiram na sua capacidade de fornecer um produto ou serviço que atenda às expectativas do cliente e forneça lucros à sua organização.

 

 

Atividades de valor agregado

Para ser considerado valor agregado, uma atividade deve atender a três requisitos:

  • Um cliente pagaria de bom grado se soubesse que foi incluído na disponibilização do produto ou serviço

  • Deve ser feito corretamente logo na primeira vez

  • Deve alterar / transformar o produto ou serviço de alguma forma

 

Os dois primeiros requisitos podem ser óbvios. Para entender o terceiro, aqui está um exemplo:

 

Copiar e colar uma lista de saldos de contas de investimento de uma planilha para outra não altera as informações, portanto, não é uma atividade de valor agregado. Analisando os números para fazer recomendações ao seu cliente, e daí diversificar seu portfólio é valor agregado.

 

 

Definição de desperdício

Desperdício, portanto, é qualquer ação ou atividade que não seja de valor agregado. O objetivo do Lean é eliminar qualquer desperdício desnecessário e minimizar a quantidade de desperdícios necessários. Desperdícios necessários??? Às vezes, existem fatores além do seu controle que causam desperdício. Isso pode ser devido a requisitos regulatórios (informações duplicadas em várias formas diferentes), por exemplo.

 

Existem muitos artigos que abrangem diversos tipos de desperdícios, com exemplos em uma área específica. Consulte a tabela abaixo, para exemplos de desperdício em várias funções. Este poderia ser um ótimo começo para você descobrir fontes de desperdício em sua função.

 

 

Como Proceder

Esses exemplos parecem familiar à situação em sua organização? Nesse caso, infelizmente, você normalmente não consegue parar de fazer algo que evite o desperdício. Porém, uma vez que identifica alguns prováveis causadores, poderá criar um projeto Lean Six Sigma ou Rapid Improvement para melhorar o processo, encontrar melhores maneiras para executá-lo, resultando em maior qualidade, maior segurança, ciclos mais curtos e maior produtividade, tudo isso contribuirá para uma maior lucratividade, juntamente com muitos outros benefícios.

 

 

 

 

 

 

 

 

Please reload